Na sua Reunião Ordinária Privada de 5 de fevereiro último, a Câmara Municipal do Barreiro (CMB) aprovou três deliberações que estabelecem a atribuição de diversos subsídios, no cumprimento de contratos programa celebrados entre o Município e três Clubes do Concelho, no âmbito do Plano de Desenvolvimento do Basquetebol do Concelho do Barreiro.

Galitos FC

Em cumprimento do Contrato-Programa com o Galitos Futebol Clube, a Autarquia atribuiu à coletividade de Santo André um conjunto de verbas «no sentido de dar cumprimento ao estabelecido na rubrica de Contratos Programa com Clubes, Centros de Treino de Minibásquete e Apoio às Equipas de Orientação Desportiva». Na mesma deliberação, o Executivo aprova o Contrato-Programa de Desenvolvimento Desportivo celebrado entre o Município do Barreiro e o Clube, anexo ao documento submetido a votação.

A deliberação estabelece e justifica a atribuição de, conforme explica o Contrato, «comparticipação financeira destinada à Operacionalização de um Programa de Desenvolvimento Desportivo de Basquetebol, integrando os escalões etários de formação aprovados pela respetiva Federação».

Os valores ora aprovadas são, na globalidade, os seguintes:

Comparticipação geral dirigida à Secção de Basquetebol, no valor total de 23.976€ (vinte e três mil, novecentos e setenta e seis euros), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação específica dirigida à Secção de Basquetebol para apoio à atividade de Minibásquete, no valor total de 2.100€ (dois mil e cem euros), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação às equipas de Orientação Desportiva participantes nas provas oficiais, no valor de 2.500€ (dois mil e quinhentos euros), até ao final da presente época desportiva.
O mesmo documento ratifica, ainda, a atribuição, antecipada, de 3.000€ (três mil euros), valor que surge, já, incluído na comparticipação geral dirigida à Secção de Basquetebol, “para fazer face a despesas urgentes”.

FC Barreirense

Em cumprimento do Contrato-Programa com o Futebol Clube Barreirense, a CMB aprovou a atribuição das seguintes verbas ao abrigo do Contrato-Programa, também aprovado na sessão:
Comparticipação geral dirigida à Secção de Basquetebol no valor total de 6.233,76€ (seis mil, duzentos e trinta e três euros e setenta e seis cêntimos), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação específica dirigida à Secção de Basquetebol para apoio à atividade de Minibásquete, no valor total de 2.700€ (dois mil e setecentos euros), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação às equipas de Orientação Desportiva participantes nas provas oficiais, no valor de 2.500€ (dois mil e quinhentos euros), até ao final da presente época desportiva.
GDESSA

Em cumprimento do Contrato com o Grupo Desportivo da Escola Secundária de Santo André (GDESSA), foram aprovados os seguintes valores:

Comparticipação geral dirigida à Secção de Basquetebol no valor total de 9.590,40€ (nove mil, quinhentos e noventa euros e quarenta cêntimos), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação específica dirigida à Secção de Basquetebol para apoio à atividade de Minibásquete, no valor total de 2.400€ (dois mil e quatrocentos euros), entre janeiro e junho de 2014;
Comparticipação às equipas de Orientação Desportiva participantes nas provas oficiais, no valor de 2.500€ (dois mil e quinhentos euros), até ao final da presente época desportiva.

Dá vontade de perguntar porque razão não há em Sintra um Programa de Desenvolvimento Desportivo de Basquetebol operacionalizado?